Lancei minha loja virtual, e agora?


Você acha que basta criar e lançar sua loja virtual para que ela comece a vender? Pois saiba que estás muito enganado! O lançamento do seu e-commerce é somente o início de todo o trabalho. Até a loja começar a lhe devolver os investimentos, é preciso “ralar” um pouco.

Mas, calma! A gente te dá algumas dicas de como conseguir o sonhado retorno. Veja!

1 – Avise que você chegou

Depois de cuidar de todos os ajustes do site, fazer testes e verificar tudo o que é necessário, chega a hora de dizer que você está aqui. Você precisa fazer com que seus futuros clientes saibam da sua existência. Mas, como e por onde fazer isso? Através do marketing digital!

Crie uma campanha de lançamento, saiba onde seus clientes potenciais estão e apareça por lá. Chame a atenção dos usuários para a sua loja e o seu produto.

2 – Feedback

Já fez suas primeiras vendas? ÓTIMO! Agora é a hora de ouvir o que seus primeiros clientes têm a dizer. Você pode obter esse feedback de várias maneiras, como por caixas de pop-up, e-mail marketing e também ligações, por que não?

Mostrar para o cliente que você se importa com ele é uma grande sacada! Que tem a ver com a nossa próxima dica...

3 – Fidelização desde o início

O pós-venda é indispensável para o sucesso da sua loja virtual. E aqui no mundo online ele tem muitas possibilidades. Para fazer com que o seu cliente fique literalmente apaixonado por sua loja, invista no tratamento excepcional.

Crie um relacionamento através do e-mail marketing e das redes sociais. Mande cupons de desconto, brindes e recadinhos (vale até manuscritos) na entrega das mercadorias. Saber que há alguém por trás do “virtual” faz seu cliente se sentir seguro e valorizado.

4 – Mensure seus resultados

Acompanhar de perto o processo de cada ação desenvolvida em seu e-commerce é de suma importância. Números farão parte da sua rotina, acostume-se. E não se esqueça de que um site apenas bonito não vende. É necessário muito mais para que ele traga resultados satisfatórios.

Algumas dicas de como deixar seu site alinhado de acordo com os padrões de usabilidade e encontrabilidade você vê aqui.

5 – Não tenha medo de agir

O começo é difícil para todas as pessoas, de todos os segmentos. O importante é não desistir e ter coragem para colocar suas ideias em prática. Tenha um planejamento bem definido e não hesite em fazer algo que ninguém nunca tenha feito. Pode ser o diferencial primordial para seu sucesso!

Curtiu nossas dicas? Foram úteis para seu novo negócio? Caso precise de alguma ajuda, entre em contato com nossa equipe. Teremos prazer em auxiliar você! A WLive! Marketing Digital oferece soluções completas para o marketing digital de sua empresa. Conheça também o Echiba, nossa plataforma para gestão de lojas virtuais.

WhatsApp: (47) 99133-4606 E-mail: comercial@wlive.com.br

Os principais erros das empresas nas Redes Sociais

Por que sua empresa deve estar no Facebook e demais redes sociais? Os motivos são vários, como os que você pode encontrar aqui. Relacionamento, visibilidade, presença digital... As redes sociais auxiliam em diversos meios e hoje já não dá para ficar de fora delas.

Pelo grande volume de empresas a se beneficiar dessas ferramentas, é muito comum ocorrerem erros, que podem parecer inofensivos, mas são cruciais para seu sucesso. Quer conferir alguns deles e ver no que você pode melhorar? Então, dá uma olhada!

1 – Criar Perfil ao invés de Fan Page

Por mais que seja falado sobre a importância de se ter uma Fan Page, as pessoas ainda criam Perfis pessoais para suas empresas. Além de te limitar a 5 mil amigos, você ainda corre o risco de ser punido pelo Facebook e ter sua página deletada. As Fan Pages não possuem limite de curtidas e possuem várias ferramentas criadas exclusivamente para seu negócio, como: acesso a métricas, possibilidade de promover anúncios, programação de postagens, entre outras.

2 – Não saber quem é seu público-alvo

Se você não sabe para quem está falando, como saberá o que falar? Conhecer bem seu público-alvo é indispensável para desenvolver uma estratégia de conteúdo eficiente. Saiba qual a idade, gênero, idioma, preferências e localidade das pessoas que deseja atingir. Pode parecer insignificante, mas faz toda a diferença na hora de criar o relacionamento desejado.

3 – Postar somente produtos

As redes sociais são canais de ENTRETENIMENTO. As pessoas querem se divertir, se informar, aprender sobre coisas novas. Em resumo: querem conteúdo de qualidade. Tenha um plano de interatividade. Siga o padrão 80/20, que nada mais é do que dividir seus posts em 80% conteúdo interessante e 20% produtos. Claro, quanto mais você puder linkar os conteúdos com o seu produto, melhor. Esse é o segredo!

4 – Não se preocupar com aparência e atualização da página

As pessoas estão cada vez mais especializadas em proporcionar conteúdos e imagens melhores para suas páginas. Você vai querer ficar para trás? Aparência é tudo para uma empresa. Produza uma identidade visual harmônica. Faça com que seu cliente saiba que é você quem está falando, somente ao visualizar o seu post.

E claro, faça postagens regulares. Crie seu padrão! Não passe muito tempo sem atualizar a página. Seu cliente é bombardeado por postagens de milhares empresas diariamente. Quem não é visto, não é lembrado.

5 – Demorar para responder

Nós estamos na Era da interatividade! Se o cliente vem até você, ele espera uma resposta, quanto antes possível. Deixar de responder abre espaço para esse cliente potencial buscar o que procura em sua empresa, na concorrência. E não é isso que você quer, certo? Sem esquecer de sempre responder com a maior cordialidade possível. A atenção que você dedica pode ser primordial na decisão de compra do seu cliente.

E aí, entendeu tudo direitinho? Precisa de ajuda? Nós da WLive! Marketing Digital podemos te auxiliar. Trabalhamos com criação e gerenciamento de Redes Sociais. Entre em contato e tire suas dúvidas!

WhatsApp: (47) 9133-4606 E-mail: comercial@wlive.com.br

Como fazer um planejamento de Marketing Digital e por que ele é tão importante?


Início de ano é sempre a mesma coisa, né?! Voltar à rotina, arregaçar de mangas e trabalhar muito! Certo? Esse provavelmente é o momento em que você, na sua empresa, define todas as metas do ano. Pois então, por que com o Marketing Digital seria diferente? Onde não há planejamento, não existe conquista. Concorda?

É por isso que, sim, o planejamento estratégico de Marketing Digital é tão importante quanto qualquer outro.

Mas, se você nunca fez um planejamento de Marketing Digital e não tem ideia de por onde começar, fica tranquilo. A gente te dá aquela ajudinha amiga, ok? Papel e caneta na mão e muita atenção nas dicas abaixo!

1 – Analise a atual situação da sua empresa

Aproveite o início de ano para tomar nota de tudo que foi alcançado e as situações mais delicadas do ano anterior. Assim, você terá um ponto de partida para traçar suas metas. Analise o desempenho da sua estratégia passada, quantos leads e clientes você conseguiu conquistar a partir dela. Conheça suas falhas e prepare as melhorias.

2 – Defina seus objetivos

Identificados os maiores obstáculos encontrados no ano anterior, é hora de definir seus objetivos para o novo ano. Tudo vai depender da situação em que a sua empresa se encontra no meio online. Os objetivos podem ser desde uma maior presença digital, melhor relacionamento com o público, e até mais específicos como transformar mais visitantes em leads e leads em clientes.

Definir indicadores de desempenho, que mostrem de forma mensurável e objetiva o que é alcançado, também é de suma importância.

3 – Desenvolva projetos

Agora que você já sabe quais são seus objetivos para este ano, é necessário determinar como os alcançará. Reúna todas as informações necessárias para descobrir por qual terreno você deve percorrer.

Por exemplo, seu público-alvo continua o mesmo? A linha editorial seguida pela empresa condiz com o que você gostaria de passar? Seu e-mail marketing é eficaz? Seu site está atualizado? É encontrado no Google? Essas são apenas algumas perguntas que você precisa se fazer.

Nesse momento, é interessante ter em mãos um calendário com as principais datas comemorativas e importantes para seu negócio. Assim, será possível criar ações promocionais direcionadas e aproveitar essas pequenas (e grandes) oportunidades de crescer sua empresa.

Lembre-se que todos os projetos devem ter em vista: orçamento necessário, tempo, pessoa responsável, entre outras atribuições. Anote também qual é a expectativa de retorno de cada projeto, para que ao final possa ser comparada com o resultado.

4 – Faça um cronograma

Feita a definição de todos os projetos, você deve então organizá-los em um cronograma. Nele deve conter a expectativa de duração de cada um deles. Dessa forma, é possível ver a distribuição de projetos para todo o ano, preparar o orçamento necessário e, por fim, fazer alguns ajustes conforme o tempo.

E aí, gostou das dicas? Preparado para fazer de 2017 o ano da sua empresa? Caso tenha restado alguma dúvida, entre em contato conosco! A WLive! Marketing Digital é uma empresa especializada em análise, consultoria, criação e gerenciamento de projetos de Marketing Digital. Além de trabalharmos com o desenvolvimento de websites e lojas virtuais.

Chame-nos no WhatsApp: (47) 9133-4606
E-mail: comercial@wlive.com.br

Está chegando! Como se preparar para a Black Friday?


Falta pouco para o fim do ano e a próxima data comercial é uma das mais importantes para o e-commerce brasileiro, a Black Friday. Depois de uma estreia um tanto quanto conturbada (a data foi apelidada de “Black Fraude” pelos usuários devido às grandes promessas e descontos falsos oferecidos por alguns lojistas), a ocasião “pegou” no calendário brasileiro e tornou-se uma grande expectativa tanto para varejistas quanto para consumidores.

Para o e-commerce, especialmente, a Black Friday é uma excelente oportunidade para vender mais, atingir novos consumidores e elevar o lucro. Mas, para isso, é preciso preparar-se com antecedência, atentar-se para alguns pontos importantes e traçar estratégias práticas que facilitem a operação, para os próprios e-commerces, e a experiência, para os consumidores. Vamos conhecer alguns desses fatores abaixo:

* * * * *

A infraestrutura precisa ser de qualidade! Black Friday é sinônimo de alto tráfego, portanto falhas no servidor devem ser corrigidas com antecedência, afinal nada pior do que surpreender os clientes negativamente com a loja fora do ar. Faça testes, verifique estas questões com a empresa contratada. Certifique-se de que o servidor da sua loja suportará a elevada quantidade de produtos e acessos.

Planejamento é tudo! Faça a previsão de demanda de cada um de seus produtos, garanta uma margem a mais, especialmente para os carros-chefe da sua loja. Não decepcione o cliente com a mensagem de “produto indisponível”. A Black Friday é porta de entrada para muito usuários que antes sequer conheciam sua marca, então você não quer frustrá-los.

Tenha descontos reais! Aproveite também para acordar melhores preços e prazos com seus fornecedores, assim é possível melhorar o tempo de entrega e os descontos repassados aos consumidores. É importante ressaltar ainda que os descontos oferecidos devem ser reais. A Black Friday já causou certo receio e o consumidor está “vacinado”, sabe quando uma oferta é real e quando é “boa demais para ser verdade”.

Não prometa o que não pode cumprir! Estabeleça prazos e condições razoáveis . Caso haja alguma mudança no sistema de entrega e transporte devido à data, explicite, crie uma página exclusiva na loja para deixar regras e condições claras para o consumidor. Explique, ressalte e reforce esses pontos para respaldar sua loja em caso de qualquer acontecimento inesperado.



Trace estratégias de marketing! Para divulgar suas ações desde já, determine em quais redes sociais seu público-alvo está e invista nas publicações impulsionadas, como é possível fazer no Facebook e no Instagram, principais redes do momento. Verifique também a possibilidade de trabalhar com links patrocinados e otimize o SEO da sua loja exclusivamente para a Black Friday.

Dê uma chance ao e-mail marketing! Apesar de a ferramenta já ter sido considerada fadada ao fracasso por alguns, ela continua sendo uma das principais estratégias de conversão. Para elevar suas taxas de assertividade, aposte em conteúdos personalizados. Assim, é possível criar e-mails adaptados, com ofertas que atendam aos interesses dos consumidores.

Ouça os clientes! De nada adianta toda a preparação anterior se o atendimento durante a Black Friday não for altamente profissional e dedicado. Uma boa estratégia é disponibilizar a página de “dúvidas frequentes”, para resolver demandas mais simples e fazer uma espécie de “triagem”, evitando que dúvidas muito simples tomem o tempo e esforço dos funcionários.

Tenha pessoal capacitado! Para gerenciar todos estes canais, é importante designar funcionários capacitados, familiarizados com as políticas, processos e sistemas da empresa e hábeis a resolver quaisquer situações o mais rápido possível, sempre buscando a satisfação do cliente.

* * * * *

Vale lembrar que a Black Friday é uma excelente oportunidade de atingir usuários que desconheciam sua marca, transformá-los em leads, oportunidades e clientes. Mas é importante lembrar que este caminho feito pelo consumidor (pregado no conceito de Inbound Commerce), em datas como a Black Friday, torna-se muito mais ágil. Ou seja, é preciso engatilhar estratégias para não perder o timing e, consequentemente, a venda.

Estratégias de marketing digital e gerenciamento de redes sociais é com a WLive! Marketing Digital. Converse com um consultor e tire suas dúvidas.
Whatsapp: (47) 9133-4606. | E-mail: comercial@wlive.com.br


Fonte: ecommercebrasil.com.br

A “febre” Pokémon Go e o poder da Inovação


É notável a diferença de comportamento, especialmente dos jovens, pelas ruas. Tudo isso por conta dele: Pokémon Go. Esse jogo de realidade aumentada virou febre em todo o mundo. Se você ainda não conhece, saiba que o Pokémon Go é um jogo que estimula as pessoas a caminharem pelas ruas, em busca de capturar seus Pokémons.

Muito similar ao enredo do desenho, que foi o queridinho das crianças e adolescentes durante a década de 90, o Pokémon Go fez ressurgir a chama nostálgica que habitava dentro de cada um de seus fãs. E claro, já conquistou muitos mais.

Tudo isso graças a um detalhe: INOVAÇÃO! A Nintendo, junto com a Niantic, soube aproveitar os novos recursos da tecnologia atual, juntamente com o sucesso indiscutível dos dispositivos mobile e trouxe uma nova experiência virtual aos usuários.

Um belo exemplo de como fazer seu negócio “ferver”, não é mesmo? Pois saiba que muitas empresas estão se aproveitando dessa novidade. Já existem registros de empresas que, nos Estados Unidos, aumentaram suas vendas em 75% graças ao jogo.

Para explicar como isso aconteceu, entenda um pouco mais sobre como funciona o Pokémon Go:

Como já citamos, ao contrário dos outros jogos, o Pokémon Go faz com que o jogador tenha que explorar seu bairro, ou cidade. 

Existem lugares que os jogadores precisam frequentar: os Poké-stops (lugar onde você consegue itens do jogo gratuitamente) e os Gyms (local onde ocorrem as batalhas entre Pokémons).

Um Poké-stop aqui da nossa cidade, Rio do Sul, é a pracinha (Praça Ermembergo Pellizzetti). Eles geralmente são encontrados em locais públicos e monumentos, (procure nos da sua cidade ;)).

Mas a grande sacada de marketing é uma opção especial que o jogo disponibiliza. Com um pequeno investimento, você pode ativar o “módulo de atração” em uma determinada área geográfica e fazer com que vários Pokémons fiquem posicionados na sua empresa.

Ou seja, quanto mais Pokémons por perto, mais pessoas. Um bom negócio, certo?!

O marketing digital se reinventa dia a dia e você precisa estar sempre atento às novas oportunidades. Para mais dicas de como utilizar o Pokémon Go em prol da sua empresa, acesse este link.

Estratégias de marketing digital e gerenciamento de redes sociais é com a WLive! Marketing Digital. Converse com um consultor e tire suas dúvidas. Whatsapp: (47) 9133-4606 E-mail: comercial@wlive.com.br

Divulgar minha empresa no Instagram? Será?


Instagram? Isso serve para a minha empresa? Bom, se você é um empreendedor que está o mínimo que seja ligado ao marketing digital, já deve ter ouvido falar desse querido aplicativo e se feito a mesma pergunta. Será que é possível utilizar o Instagram a favor da minha empresa? Pois bem, saiba que a resposta é: SIM! SIM! SIM! E neste artigo vamos te explicar o por quê.

Primeiro alguns dados:

  • Neste mês (junho/2016) o Instagram chegou a sua marca de 500 milhões de contas ativas;
  • 35 milhões de contas são brasileiras;
  • Postagens no Instagram têm 58% mais engajamento que no Facebook;
  • 70% dos usuários utilizam o Instagram pelo menos uma vez por dia e 35% várias vezes.
  • Desde a sua criação, em 2010, já foram feitas mais de 20 bilhões de postagens.

É mole ou quer mais? O Instagram, juntamente com o Snapchat, é a rede social que mais cresce em todo o mundo. E no Brasil não é diferente. O Brasil é o terceiro país que mais utiliza o Instagram, perde apenas para os Estados Unidos e o Japão. A maioria dos usuários tem entre 15 e 30 anos, mas lógico, há exceções.

O Instagram é praticamente um oceano de oportunidades à espera de que você as agarre. Mas, como como divulgar minha empresa no Instagram? Bom, com certeza não basta simplesmente criar uma conta e sair postando tudo de qualquer jeito. O Instagram é uma rede social que é abastecida por imagens, por isso, proporcionar fotos de qualidade para os seus seguidores é primordial!

Perfil da Canon Brasil no Instagram traz imagens incríveis.

Invista numa bela identidade visual e de linguagem. Sim, você tem que criar uma linguagem que transpareça o seu negócio para trabalhar com o Instagram. O conteúdo deve ser sempre de fácil entendimento, como em qualquer outra rede social. O diferencial do Instagram é a intimidade que você precisa criar com o usuário. Já te explicaremos sobre isso.

Você deve pensar em quem receberá o seu conteúdo. Pessoas no dia a dia, horas de lazer, intervalos... Enfim, pessoas com um smartphone na mão, que buscam entretenimento, conteúdo de valor. Sim, a sua foto vai estar no feed do seu cliente em meio a gatinhos, paisagens, pratos decorados e tantas outras coisas. Por isso ela tem que ser tão bem feita. Ninguém quer ver conteúdo chato, maçante e sem qualidade visual no Instagram.

Perfil do Starbucks Brasil, um dos preferidos dos brasileiros e que desperta grande engajamento.

Se os seus planos eram fazer tudo de qualquer jeito, esqueça!

O Instagram é uma ótima ferramenta para desenvolver vários tipos de negócio. Os mais comuns são os de moda e gastronomia, pelo próprio apelo visual que a plataforma tem. Porém, atualmente existem empresas de praticamente todos os nichos de mercado trabalhando e tendo bons retornos com o Instagram.


Perfil da Palunke, boutique multimarcas conceituada de Tubarão/SC.

Um bom exemplo de perfil que ao primeiro olhar não teria “nada a ver” com o Instagram, mas utiliza a plataforma e faz isso de ótima maneira, é o da STIHL. Se você já fez algum conserto em casa com certeza conhece essa marca. Uma empresa que oferece desde furadeira, cortador de grama, até motosserras e tratores! No Instagram! E aí, ainda acha que pro seu negócio não tem espaço?

Perfil da STIHL, empresa de ferramentas e máquinas.

Muitas empresas vendem produtos diretamente no Instagram, mas você também pode fazer chamada para sua loja virtual ou blog. O único lugar onde o Instagram permite links é na bio (lugar onde você descreve o seu negócio), o que por muitos é visto com “maus olhos”. Mas é possível sim trabalhar com várias chamadas para ação dentro do Instagram.


Perfil da WLive! Marketing Digital.

Uma boa dica é sempre que você postar sobre algum link nas legendas de imagens, utilizar os encurtadores de url. Eles possibilitam que você coloque todo o endereço ali mesmo na legenda (sem que ela se torne gigante) e são muito mais simples para copiar. O segredo para fazer com que o usuário saia do Instagram e vá para a página que você deseja é despertar o seu interesse.

Poste conteúdos relevantes para seus seguidores, mas não entregue tudo de bandeja. Ao instigar a curiosidade desse usuário, você pode levá-lo para a plataforma que quiser.

Outra dica é investir (sempre que possível) em conteúdos descontraídos, motivacionais, que tragam algo de satisfatório para o dia do seu seguidor. Nunca fixe o conteúdo apenas em produtos. Frases de bom dia, bom fim de semana, frases encorajadoras, costumam gerar bastante engajamento e trazer bons frutos.


Perfil da Coca-Cola Brasil, ótimo exemplo de bom gerenciamento no Instagram.

Agora também é possível anúncios no Instagram, através do Facebook. Detalhes de como e quando fazê-lo você confere num próximo post aqui do blog. Ok?

Esperamos que você tenha curtido e caso surja alguma dúvida, fique à vontade para entrar em contato! Aqui na WLive! Marketing Digital temos uma equipe capacitada para desenvolver toda a estratégia de marketing digital da sua empresa. Entre em contato!

Whatsapp: (47) 9133-4606 
E-mail: comercial@wlive.com.br

Sua audiência é realmente seu público-alvo?


Encontrar o seu público-alvo é determinar onde seus esforços de marketing terão o maior impacto.

Vale lembrar que antes de escrever o conteúdo para o seu marketing, separar um tempo para fazer alguma pesquisa de palavras-chave, para se certificar de que seu público-alvo vai achar você em primeiro lugar quando visitar os motores de busca como o Google, será imprescindível!

Não sabe por onde começar? Aqui estão 6 passos para ajudar você a encontrar e focar em seu público-alvo.


Identifique e Analise o seu Público Atual

É sempre melhor começar com o que você sabe. Então, dê uma olhada em sua base de clientes atual e reúna o máximo de informações que puder sobre eles.

Analise o Produto ou Serviço Você Está Divulgando

Para saber mais sobre o seu mercado alvo, dê um passo atrás e olhe para o produto ou serviço que você está tentando vender. Pense sobre os benefícios específicos de que você está vendendo e o que o diferencia de itens similares no mercado.

Encontre o Seu Público Em Potencial

Espero que você esteja começando a ter uma compreensão mais clara de sua clientela. Agora é hora de descobrir onde eles estão na Internet.

Fique de Olho na sua Competição

Ainda à procura de ideias? Não tenha medo de dar uma olhada no que seus concorrentes estão fazendo. Siga seus concorrentes em seus canais sociais e visite seus sites de tempos em tempos.

Projete o Seu Site Para o Seu Mercado Alvo

Uma vez que você se concentrar em seus clientes potenciais, você vai querer ter certeza de que você está falando a língua deles – literalmente. Antes de escrever o conteúdo para o seu marketing, separe um tempo para fazer alguma pesquisa de palavras-chave, para se certificar de que seu público-alvo vai achar você em primeiro lugar quando visitar os motores de busca como o Google.

Comece a Compartilhar

O último passo é começar a se comunicar com seu mercado-alvo, onde quer que estejam. Seja através de Facebook ou Instagram, em fóruns on-line, em grupos do LinkedIn, comunidades Google+ ou Twitter, você vai querer começar a interagir com seus potenciais clientes.

Uma última dica é manter em mente que seu público-alvo pode mudar e evoluir. Conforme você for aprendendo mais sobre seus clientes, você pode e deve ajustar a sua abordagem de marketing.

Para mais informações entre em contato com a nossa equipe via Whatsapp pelo número: (47) 9133-4606 ou via e-mail: comercial@wlive.com.br Vamos adorar poder auxiliar você e sua empresa!

O que fazer para aumentar o número de seguidores das minhas redes sociais?


Estou nas redes sociais, e agora? Pra quem pensa que é só chegar e já ser recebido de braços abertos por milhares de pessoas, está muito enganado. Mas calma, pra tudo se dá um jeito. Confira nossas dicas para aumentar seu número de seguidores:

Dar conteúdo de valor para seu público alvo;

Ser consistente;

Ter regularidade/frequência!

Usar hashtags certas para seu nicho (no caso do Instagram);

Usar as palavras-chave mais procuradas para seu canal do YouTube;

Investir financeiramente para que seu público alvo te encontre;

Investir em conhecimento. Existem muitas estratégias de marketing digital a serem praticadas e testadas, mas sem conhecimento fica mais difícil! A cada teste novos resultados. Assim conseguirás escolher as melhores práticas.

Agora que você já sabe por onde começar, mãos à obra! E precisando fazer o gerenciamento de redes sociais da sua empresa com auxílio de uma equipe especializada contate a WLive! Marketing Digital. Produzimos projetos personalizados, exclusivamente pensados para as suas necessidades.

Whatsapp: (47) 9133-4606
E-mail: comercial@wlive.com.br

Confira algumas das etapas que você precisa cumprir para garantir a influência da sua empresa nas Redes Sociais



  • Definir o público alvo (sua persona) – faixa etária, sexo, cidade, classe social, interesses.
  • Descobrir a melhor forma de se relacionar com o seu público alvo – quais dias e horários, qual tipo de mensagem.
  • Falar e escutar o seu cliente – isso ajuda a fidelizar o cliente.
  • Publicar conteúdo relevante para as pessoas – não é eficaz somente publicar todos os dias um produto que você vende. É necessário falar com as pessoas de pontos relacionados com a sua empresa e aquilo que eles gostam.
  • O conteúdo deve ser conciso e significativo – não adianta um texto de 20 linhas para publicar no Facebook. Comunique a ideia central em poucas linhas.
  • Colocar o conteúdo dentro da Rede Social – isso vai aumentar as possibilidades de interação e as pessoas vão clicar mais vezes em curtir/tweet/+1.
  • Estar atento às interações – você vai perceber a linguagem e os temas preferidos pelos seus diferentes clientes, permitindo compreender melhor o perfil dos grupos de clientes.
  • Estabeleça uma linha de publicação semestral – defina o que deve ser publicado ao longo do semestre e programe os posts do mês. Revise periodicamente a sua linha editorial.
  • Crie anúncios para públicos específicos – você pode definir para quem vai ver o seu anúncio especificando faixa etária, sexo, cidade, interesses e outros mais.

Verifique como está sua Presença Digital!
Caso necessite ajuda, entre em contato pelo Whatsapp 47 9133-4606 ou 
mande um e-mail para comercial@wlive.com.br

Ajudamos a montar um diagnóstico que atenda à sua necessidade!

WLive participa do CORE-SC em Movimento


O CORE - Conselho Regional dos Representantes Comerciais de Santa Catarina, realizou em Rio do Sul o Core em Movimento, onde ofereceu serviços como novos registros, atualização de carteiras, consultoria jurídica, entre outros.

Promoveu também um Workshop em parceria com o Senac Rio do Sul e a WLive, sobre "Como usar as mídias sociais para vender mais". A abordagem teve o intuito de apresentar meios de utilização das redes sociais, para ampliar o alcance da marca, conquistar reconhecimento, bem como oportunizar novos negócios através destas ferramentas.

A WLive agradece a oportunidade de mais um ótimo encontro e troca de conhecimentos. Até a próxima! Para contato e informações acesse www.wlive.com.br ou contate-nos via e-mail comercial@wlive.com.br e Whatsapp: (47) 9133-4606.