Como usar a Internet para Divulgar e Vender seus Produtos e Serviços


Pergunte a qualquer empresário quais são os desejos dele com o trabalho de Marketing na Internet e é bem provável que 8 entre 10 vão responder exatamente isso:

"Eu quero divulgar a minha marca e o que eu faço, e por consequência, vender os meus produtos e serviços".
Escuto muitos empresários falando que não conseguem vender pelo Facebook/Instagram e que na maioria das vezes, seus fãs nem são de fato seus verdadeiros clientes.

Mas por que isso ocorre? Bem, normalmente por terem começado o trabalho sem uma estratégia ou sem um Plano de Presença Online.

Se você é empresário ou alguém que precisa de certa forma divulgar seu produto/serviço e aumentar as vendas, vou apresentar aqui 4 maneiras práticas do que você pode e deve fazer.

1 - Antes de vender o seu produto ou serviço, saiba quem realmente é o seu público e busque entender o seu comportamento.
Dica: se você já possui uma Fan Page no Facebook, saiba que existe uma ferramenta que auxilia a descobrir quem é seu público e como ele se comporta na rede.

Com toda a certeza estas informações lhe ajudarão a tomar decisões sobre que tipo de conteúdo escrever.

2 - Invista em Marketing de Conteúdo
Talvez você não saiba, mas além de fotos e vídeos, e-books, infográficos e outros arquivos do tipo PDF são coisas que as pessoas gostam. Principalmente quando ajudam a solucionar algum problema do seu público.

Por meio de uma estratégia de "gestão de conteúdo", você irá definir o tipo e formato de conteúdo e quais redes sociais são ideais para participar e atingir o seu público.

3 - Faça anúncios no Facebook que promovam sua marca ou produto
Anúncios no Facebook convertem e muito. Desde que bem planejados e que tenham um acompanhamento quase que integral.

Através das informações que o Facebook oferece, eu consigo saber sobre: interesses, acesso, gênero, ocupação e muito mais.

Com estas informações e escolhendo bem seu objetivo, o resultado será melhor do que apenas fazer um simples "impulsionamento".

4 - Crie uma conta no Instagram e utilize todos os recursos possíveis
Nos últimos meses, o Instagram tem se demonstrado um ótimo canal para gerar maior engajamento. Mais contatos e solicitações de orçamento estão sendo geradas através dele.

Mas, aqui a regra segue a mesma citada anteriormente, gere conteúdo. Procure não fazer somente o Be-a-Bá, que é importante, mas mescle conteúdo e utilize o máximo de recursos que a ferramenta permite.


E por fim, algumas dúvidas que normalmente escuto de nossos clientes e parceiros:

- Quantas vezes devo postar?
Resposta: Depende. Mais importante que a quantidade é a qualidade. Mas para começar a ter um bom resultado e claro, dependendo do seu púlbico, ao menos 4 a 5 vezes por semana.

Quais hashtags eu devo usar?
Resposta: Exatamente aquelas que o seu conteúdo se identifica. Se você é da área de moda por exemplo, #look #fashion #style, seriam hashtags interessantes para se utilizar.

Eu utilizo normalmente #empreendedor, #empreendedorismo, #marketingdigital. Se você é um restaurante localizado no bairro “Budag”, você vai colocar a hashtag #budag.

Qual o melhor horário?
Resposta: Depende. Se você usa uma conta empresarial, o Instagram Insights consegue te mostrar isso de uma forma que é possível deduzir o melhor horário. Mas a minha dica é que você faça testes de horários.


Bom, se você chegou até ao final desse artigo, fique à vontade para comentar, ou fazer perguntas.

E, se precisar de ajuda, me mande um mensagem no WhatsApp 47 99133-4606, que posso lhe ajudar mais de perto. Podemos marcar um bate papo e uma xícara de café, ou não?! (srsrsr)

Obrigado e forte abraço!

4 Passos para lançar sua loja com sucesso


Você teve uma ideia brilhante: vender um produto, um serviço ou mesmo um pacote de serviços através da internet. Ótimo, já é um grande começo. Mas aqui é necessário dar um passo atrás e avaliar se a ideia é boa mesmo. A primeira pergunta que você tem que se fazer é: será que existe uma quantidade considerável de pessoas precisando ou querendo comprar aquilo que eu quero vender? Se a resposta for sim, você pode iniciar sua empreitada e abrir uma loja virtual. Parece simples, não?

Pois não é. Esteja certo que será trabalhoso, mas esteja certo, também, que trabalho é sinônimo de resultados. E o trabalho duro combinado a otimismo (e um pouco de sorte, que não faz mal a ninguém) pode render resultados incríveis.

1. Montando sua loja virtal
Pense em um nome bem marcante, já que é por ele que sua loja será reconhecida. Escolha uma plataforma de e-commerce que seja simples de configurar e tenha todos os recursos que você
irá precisar para começar bem e crescer rapidamente.

Feito isto, é hora de montar a loja virtual e poder começar a cadastrar os produtos que deseja vender. Fotos que favorecem os produtos e sua descrição detalhada são essenciais para que você consiga vendê-los.

2. Divulgue sua marca
A divulgação de sua loja pode ser feitas de três principais maneiras: por redes sociais, por blog e por SEO. No caso da primeira, é necessário antes conhecer qual rede é a mais utilizada pelo seu público (Facebook, Twitter, Instagram…) para depois criar a página, chamada de fanpage, ou perfil de sua loja.
Por blogs temos o chamado marketing de conteúdo, praticado por meio de textos que contém informações sobre os produtos e coisas relacionada a eles. Ambas as maneiras têm a vantagem de custarem pouco ou quase nada de dinheiro e serem mais interessante e menos intrometidas que aqueles e-mails que recebemos com promoções, por exemplo. Se atualizado constantemente, os resultados serão fantásticos.
Já o SEO – otimização para mecanismo de busca – permite que, quando um internauta digita algo em um buscador como o Google que contenha palavras relacionadas a seu negócio, o site de sua loja virtual apareça entre os primeiros resultados da página.
3. Precifique corretamente
Considerar somente o preço inicial do produto, a mão de obra (em caso de produto artesanal ou serviço) e o lucro não é muito inteligente. Você precisa pensar no quanto irá custar entregar o produto ao consumidor, o famoso frete. Várias empresas, como os Correios, oferecem fretes a preços bem atraentes, o que facilita não computá-lo no preço final. Mas a economia no frete pode significar aumento no tempo de entrega, deixando o consumidor insatisfeito.

4. Seja flexível com pagamentos
Débito, crédito, parcelamento, boleto, PagSeguro, BCash! PayPal, etc. O ideal é que sua loja ofereça aos clientes diversos modos de pagamento para que eles escolham qual o melhor. Mas todos eles terão um custo a você pois, por exemplo, para aceitar pagamento por cartão de crédito, é preciso um intermediador de pagamento que vai garantir a eficiência e segurança das transações, mas a recompensa será boa: mais segurança para você e mais comodidade para seu cliente.

Gostou das Dicas? Está buscando informações para montar o seu negócio virtual? Quer ajuda?
Entre em contato, mande um Whatsapp para 47 99133-4606 ou envie um e-mail para comercial@wlive.com.br que podemos lhe passar mais orientações para ajudá-lo a organizar o seu projeto!

Afinal, qual é melhor – Google AdWords ou Facebook Ads?


Bem, ambas as modalidades de anúncio possuem pontos fortes e pontos fracos. Em um cenário ideal, utilizar os dois recursos seria a metodologia mais completa de publicidade online para seus produtos ou serviços.

Mas, como não vivemos em um cenário ideal, e nossos recursos são, infelizmente, limitados, concluímos assim: O Google AdWords é superior quando o assunto é conversão imediata. As pessoas procuram por um produto ou serviço que sua empresa oferece, você aparece nos resultados de busca, as chances do cliente em potencial clicar no seu anúncio são altas. O processo é bastante direto e tende a funcionar melhor para marcas maiores, já estabelecidas, ou com produtos que possuem alta procura.

Já o Facebook Ads é mais relevante quando se fala em construção de presença da marca online. O Facebook é excelente para fazer as pessoas conhecerem o seu negócio, falarem dele – gerando o famoso marketing boca a boca. Ele te ajuda a vender, sim, mas muito mais através do relacionamento com o cliente. Geralmente, é mais recomendado para marcas novas ou produtos exclusivos.

Vale lembrar que, para qualquer uma das modalidades de anúncio, ter um profissional especializado e uma equipe de marketing digital cuidando de tudo para você é muito mais seguro para o seu investimento!
Ainda tem dúvidas? Fale com um especialista. Manda um Whats 47 99133-4606 ou envie um e-mail para comercial@wlive.com.br
Fique ligado no blog, em breve falaremos mais sobre os tipos de anúncios.

Quanto custa montar uma loja virtual?


A criação de negócios virtuais é cada vez mais comum. Se antes montar uma loja virtual e tornar-se seu próprio chefe demandava muito investimento, hoje ficou muito mais fácil e mais barato, e praticamente qualquer empreendedor pode abrir a própria empresa e realizar o sonho de ter algo somente seu e ter sucesso online.

Porém, muitas dúvidas ainda permeiam este mundo novo de vendas e negócios: quanto eu precisarei realmente investir? Será que eu posso arcar com este valor? Tudo depende de quanto você está disposto a gastar e quanto de investimento, nos seus cálculos, será necessário para fazer o negócio funcionar.

Abaixo, colocamos uma lista dos principais gastos para que você pese os prós e contras e a possibilidade real de ter o seu próprio negócio virtual.

Quais são os principais custos na hora de montar uma loja virtual?

Está é uma das maiores dúvidas que cerceiam as pessoas que tem a ambição de abrir uma loja virtual. Quanto eu realmente vou precisar investir – sem contar os imprevistos, claro – para ter uma loja virtual funcional e de sucesso? Pois é, essa não é a pergunta mais fácil de ser respondida, ainda mais com a variedade de programas e outras utilidades que existem por aí, com suas variedades de preços. Porém, aqui vai uma lista resumida dos gastos que você com certeza terá ao abrir a sua loja virtual.

Ficaram de fora aqui as tributações normais para criação de uma empresa e a parte de aquisição dos produtos.

O domínio do seu site – Este é um investimento necessário, uma vez que você precisa de um domínio e hospedagem próprios para que o site tenha peso. É onde você terá algo como www.minhaloja.com.br - Preço: 40 reais por ano (registro.br)

Plataforma – se for iniciante, pense em alguma plataforma que possa lhe dar experiência de vendas. Plataformas alugadas são boas para quem está começando. O preço varia: entre 99 e 299 reais ao mês; Se tiver passado pela parte da experiência, poderá contratar uma plataforma própria ou de terceiros. Seus preços podem partir da casa dos R$ 10.000,00, mais implementações e licenças.

Correios – O preço médio de um envio de produto via PAC é de 14 reais.
Porém, nem sempre você terá que arcar com este custo, uma vez que na maioria dos casos, o frete é por conta do consumidor.

Meios de Pagamento – dependendo do meio para receber pagamentos seguros, terá que arcar com o custo em torno de 5% em cima do valor total recebido, algumas operadoras cobras taxas sobre as transações, como exemplo do Pagseguro (R$ 0,40).

Marca – É importante ter um logo próprio que passe a imagem de profissionalismo e originalidade. Para isso, você precisará contratar um designer gráfico para fazê-lo. O preço deste logo vai variar muito. É possível comprar um logo por valores que variam entre duzentos a mil reais. Porém, se você quer todo um layout de loja próprio, você poderá gastar acima de R$ 1.000,00.

Divulgação da loja no Google AdWords – o custo da campanha varia muito dependendo do tipo da campanha que você deseja realizar, então este valor não é possível estipular um número exato. Cabe lembrar aqui também do investimento em anúncios no Facebook, Instagram e outras redes que incluir em suas estratégias.

Além destes gastos mais facilmente estipuláveis, você também terá que investir no material inicial para a criar/revender os produtos que farão parte da sua loja.

O custo das embalagens nas quais eles serão enviados também é por sua conta.

Com esta pequena lista de possíveis gastos ao iniciar um investimento de uma loja virtual, você consegue se planejar e ter um panorama aproximado de quanto precisará de capital inicial para que sua loja saia finalmente do papel e vire uma realidade rentável, organizada e que gere lucros.

Lembre-se, é importante você se planejar. Procure auxílio no Senac ou Sebrae para ajudá-lo em outras questões para abertura de empresa.

Se quiser trocar algumas ideias, nos chame no Whatsapp 47 99133-4606.

8 dicas para tirar fotos que ajudam a destacar seus anúncios no Facebook


É muito fácil ser o fotógrafo de seus próprios anúncios do Facebook, graças aos smartphones modernos que incluem câmeras avançadas. Basta ter uma ideia! Por exemplo, mostre seus produtos mais recentes ou use instantâneos de clientes felizes.

A equipe do Facebook reuniu oito dicas fáceis para tirar fotos atraentes, por exemplo, como usar a regra dos terços e por que você deve pensar em dispositivos móveis quando selecionar imagens para o anúncio. Se fizer isso, mais pessoas prestarão atenção ao anúncio e realizarão ações, como acessar
o seu site ou fazer compras.

Além disso, foram incluídas fotos que mostram o uso eficiente dessas dicas.

Dessa forma, você terá mais inspiração quando estiver pronto para tirar fotos para o anúncio.

Você está pronto para aprender a tirar fotos atraentes para os anúncios do Facebook?

SAIBA MAIS NO FACEBOOK PARA EMPRESAS

8 Dicas do que NÃO fazer no E-commerce


É um artigo muito simples, basta você não fazer nada do que foi listado que com certeza seus resultados no e-commerce serão bem melhores.

ACESSE O LINK AQUI!

Para muitas empresas esse foi o pensamento principal, algumas delas já não possuem suas operações online, outras atuam como fantasma no e-commerce. Mas para aqueles que viram o potencial do mercado e de que era preciso fazer as ações corretas, hoje colhem os frutos de, em grande maioria, mais da metade de seus faturamentos serem originados do e-commerce.

Boa leitura!

Fonte: https://ecommercenews.com.br/

Faça do Marketing Digital uma Oportunidade de Vendas

Atraia potenciais clientes interessados em adquirir seus produtos ou serviços com Marketing Digital

Marketing de Conteúdo
A estratégia de Marketing Digital abrange Marketing de Conteúdo e visa atrair potenciais clientes através da criação de conteúdo personalizado e relevante que interesse o público. A produção de conteúdo gera credibilidade e autoridade para seu negócio.

Links Patrocinados Google Adwords
Segundo o Google, 45% dos cliques são dados nos primeiros 3 sites nos resultados de uma pesquisa. Com Google Adwords o site do seu negócio aparece na primeira página, possibilitando que seus clientes te encontrem.

Otimização dos Buscadores (SEO)
A Otimização de Sites SEO (Search Engine Optimization) é uma estratégia que objetiva melhorar o posicionamento do site nos resultados de uma pesquisa, o colocando nas primeiras posições. Desta forma o seu site atrai mais visitantes e aumenta o número de contatos e de clientes.

Estratégia para Mídias Sociais
As mídias sociais são o maior canal de relacionamento com o público-alvo. No Marketing Digital as mídias conectam e estreitam a relação com os potenciais clientes e também fidelizam os que já fazem parte da carteira. Defina uma estratégia para as mídias e encontre novos clientes.

Quer ajuda para planejar seu marketing nas redes sociais?
Chame no Whatsapp 47 99133-4606 ou
mande um e-mail para comercial@wlive.com.br

Perfis Comerciais no Instagram

As pessoas estão encontrando as empresas, as marcas e os produtos de que gostam no Instagram.

Mais de 500 milhões de usuários do Instagram estão descobrindo novidades todos os meses, e as empresas estão usando a plataforma para compartilhar suas histórias de maneiras visuais que as pessoas gostam. Como as Páginas do Facebook, os perfis comerciais no Instagram conectam pessoas e empresas no ambiente móvel. Use o Instagram para contar a história da sua empresa, conectar-se com seu público e gerar demanda para seus produtos.

Conecte-se com as pessoas
As pessoas podem seguir seu perfil comercial no Instagram para ver, comentar e compartilhar suas publicações no feed delas.

Crie histórias que as pessoas vão adorar
Use fotos e vídeos para expressar sua empresa visualmente.

Meça o impacto
É possível ver exatamente como sua atividade no Instagram está ajudando você a atingir suas metas de negócios.

Estabeleça seu negócio no Facebook e no Instagram para conectar-se com os clientes.

Quer ajuda para planejar seu marketing digital?
Chame no Whatsapp 47 99133-4606 ou
mande um e-mail para comercial@wlive.com.br

Marketing no Facebook e no Instagram


Princípios Básicos

Desenvolva sua presença
As Páginas do Facebook e os perfis comerciais do Instagram dão à sua empresa uma presença nos lugares onde as pessoas passam o tempo descobrindo novidades.

Seja descoberto
As pessoas usam o Facebook e o Instagram para conhecer coisas novas, como marcas e empresas.

Esteja no ambiente móvel em questão de minutos
Em alguns minutos, você configura Páginas e perfis comerciais que ficam ótimos em qualquer dispositivo.

Converse com os clientes com facilidade
Mantenha o contato com os clientes por meio de publicações, comentários e mensagens particulares.

Quer ajuda para planejar seu marketing no Facebook?
Chame no Whatsapp 47 99133-4606 ou
mande um e-mail para comercial@wlive.com.br

E-commerce: o que saber para iniciar sua loja virtual

Sabemos que vai além disto, mas, para você começar a pensar nas etapas do seu negócio, segue uma listinha básica...


  1. Defina que produto ou serviço será vendido online;
  2. Faça um Plano de Negócio para colocar a ideia no papel;
  3. Faça boas parcerias, preferencialmente via contrato;
  4. Adquira um domínio (um nome) para sua loja. Ex: www.minhaloja.com.br;
  5. Defina o estoque e a logística de entrega;
  6. Escolha a plataforma de e-commerce para fazer a gestão;
  7. Defina as formas de pagamento que irá utilizar;
  8. Faça boas fotos ou vídeos dos produtos;
  9. Faça uma boa descrição dos produtos e serviços;
  10. Planeje seu Marketing Digital! Esteja onde seu cliente está!
  11. Monte uma Campanha de Publicidade para internet (links patrocinados);
  12. Monitore os resultados e use as informações a seu favor!
  13. E após vender, capriche no pós venda!

Fique ligado, em breve mais dicas e detalhes sobre cada etapa.

Se tiver dúvidas, manda uma mensagem no Whatsapp 47 99133-4606.